.

.
Facebook: I lettori di Domenico Losurdo

martedì 16 agosto 2011

La versione brasiliana del saggio «Cone nacque e come morì il marxismo occidentale»

COMO NASCEU E COMO MORREU O “MARXISMO OCIDENTAL”1Domenico LOSURDO*
Carlo Alberto DASTOLI** (tradução e revisão técnica).
in  Estudos de Sociologia, n. 30, Revista Semestral do Departamento de Sociologia e Programa de Pós-Graduação em Sociologia - FCL- UNESP - Araraquara - v. 16, n. 30 - 1º semestre de 2011. Il tuo articolo va da p. 213 a 242.  
1. O “marxismo ocidental” e a remoção da questão colonial.Por que o marxismo ocidental, após desfrutar de um sucesso extraordinário até se tornar a koiné das décadas de 1960 e 1970, mergulhou numa crise tão profunda? Sem dúvida, os fatos históricos que todos conhecemos e que culminaram com a queda da União Soviética e do “bloco socialista” desempenharam neste caso um papel fundamental. No entanto, embora inevitável, esse tipo de explicação não é exaustivo: é necessário aprofundar a análise, concentrando a atenção nas fraquezas intrínsecas que o marxismo ocidental revela no Ocidente, mesmo na época em que sua hegemonia parece incontestável. Nada é mais verdadeiro em relação à Itália. É preciso partir de um debate suscitado por Norberto Bobbio em 1954...
Leggi tutto

1 commento:

Anonimo ha detto...

Bravo! Excelentes notícias. Parabéns a todos os envolvidos.
Eis o caso de um ensaio claramente merecedor de muito maior divulgação do que aquela que obteve até agora.
Obrigado Brasil!
Bravo. Excellent news. Congratulations to all those involved.
This is the case of an essay clearly deserving a much bigger diffusion than the one it has got until now.
Thank you Brazil!
João Carlos Graça
Lisboa, 18 de Agosto de 2011